segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Livros - As crônicas de Nárnia (DL 2011)

Desafio literário 2011 - mês de janeiro - Livro 2



Eis que, aos 45 minutos do 2º tempo, chega o post do meu livro reserva do mês de janeiro do Desafio Literário. Sinceramente, eu achei que não fosse dar tempo. Eu acabei de ler o livro e corri para vir escrever a resenha, para poder publicar ainda dentro do mês de janeiro.

Mas também a correria tem uma razão de ser. Eu fui um pouco ousada e escolhi para o meu livro reserva As crônicas de Nárnia, de C. S. Lewis. Apesar de ter lido a coleção separada (eu peguei emprestado), considerei o livro como um todo para o desafio. Em outras palavras, eu poderia ter escolhido ler apenas o primeiro volume (O sobrinho do mago) ou algum outro, mas não... eu tinha que escolher ler os sete de uma vez. Mas tudo bem, a missão foi cumprida a tempo...


Bem, como eu acabei de dizer, o livro é composto por sete volumes. São Eles: O sobrinho do mago; O leão, a feiticeira e o guarda-roupa; O cavalo e seu menino; O príncipe Caspian; A viagem do Peregrino da Alvorada; A cadeira de prata e A última batalha. Surge, então, a grande dúvida: devo falar do livro como um todo ou fazer um post enorme e falar de cada volume separadamente? Vou tentar fazer um pouco dos dois...

Antes de mais nada, algumas coisas que todos devem saber sobre Nárnia: o país não fica no nosso mundo. A única forma de se chegar lá é por magia. O tempo lá não passa da mesma forma que passa aqui. Nárnia foi criada por Aslan, um leão. Ao longo dos tempos, algumas crianças de nosso mundo vão para Nárnia.

As primeiras crianças a irem para lá são Polly e Digory, que na verdade acompanham a criação do país por Aslan. Algum tempo depois, os 4 irmãos Pedro, Edmundo, Suzana e Lúcia também chegam ao país. Eles ajudam a salvar Nárnia das garras da feiticeira branca e do inverno que tomava conta das terras há 100 anos e são coroados reis e rainhas de Nárnia. Os irmãos ainda retornam ao país para mais uma aventura, quando Aslan informa a Pedro e Suzana que eles já estão muito velhos e que não mais retornarão. Lucia e Edmundo voltam para uma última aventura, levando o primo Eustáquio, que também acaba voltando mais uma vez, com sua amiga Jill.

O último livro é o mais incrível de todos. O final é verdadeiramente emocionante e traz uma mensagem linda. Fiquei muito encantada. O reencontro de todos foi fantástico e eu jamais teria imaginado um final assim para a saga.

Aliás, a leitura me impressionou bastante, como um todo, em vários aspectos. O primeiro deles é o mais óbvio: o mundo criado por C. S. Lewis é incrível, mágico, perfeito. Mas o livro é muito mais do que um simples conto de fadas, e vai muito mais além do que retratar a clássica batalha entre o bem e o mal. Isso porque o simbolismo está muito presente em toda a obra. Filosofia, religião, o sentido da vida e tantos outros temas são abordados de forma sutil, por meio de metáforas lindamente desenvolvidas.

Alguns livros me encantaram mais do que outros, mas como um todo é uma leitura mais do que recomendada, eu diria que essencial, para crianças de 8 a 80 anos... Considerando cada livro individualmente, eis as minhas notas:

O sobrinho do mago - 4
O leão, a feiticeira e o guarda-roupa - 5
O cavalo e seu menino - 3
O príncipe Caspian - 5
A viagem do Peregrino da Alvorada - 4
A cadeira de prata - 4
A última batalha - 5

Média - 4,3

Para terminar, uma frase do meu livro menos favorito, O cavalo e seu menino, mas uma das minhas favoritas de todo o livro

"Filho! Estou contanto a sua história, não a dela. A cada um só conto a história que lhe pertence" (frase dita por Aslan)

4 comentários:

bia disse...

vc podia colocar resumos de cada livro e ficaria melhor e tenho duas perguntas:
em quantos dias leu cada livro e quantas paginas tem cada um?

Rafaela Marinho disse...

Olá Bia, pois é, eu pensei em colocar o resumo de cada livro, mas o post ia ficar enorme!!! Respondendo suas perguntas: cada livro tem mais ou menos 200 páginas e eu li os 7 em aproximadamente 10 dias.
XOXO

carlos disse...

Que notas baixas, eu daria nota 10! Mas parabéns pelo blog!

Rafaela Marinho disse...

Carlos, pelas regras do Desafio Literário, 5 é a nota máxima!!!

Postar um comentário