quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Livros - A montanha e o rio

#3 do desafio 52 semanas, 52 livros


O chinês Da Chen demorou oito anos para escrever esse livro e podem ter certeza que valeu a pena. O romance só tem aspectos positivos, a meu ver. É uma leitura extensa, porém nem um pouco cansativa, pelo contrário, a cada página virada o livro se torna mais emocionante, mais envolvente, mais encantador...

O general chinês Ding Long gerou dois filhos: um deles legítimo e outro filho de uma camponesa, que cometeu suicídio logo após o parto e foi criado por um camponês. O livro trata justamente da história de vida de ambos, seu crescimento e sua superação diante das dificuldades. A narrativa se dá de forma intercalada, com um capítulo para cada um deles, o que a torna ainda mais interessante (às vezes temos dois capítulos seguidos sobre algum, mas normalmente é apenas um).

Os dois personagens centrais são muito marcantes, muito fortes, cada um dentro de suas características e peculiaridades: Tan, o legítimo, é um jovem destemido e bastante amoroso e Shento possui uma capacidade de sobrevivência incrível.

A vida dos dois é bastante diferente, mas o destino acaba os unindo quando ambos se apaixonam pela mesma mulher, Sumi, que também se apaixona pelos dois...

"Apaixonada por dois irmãos! Eu amaldiçoava o meu próprio destino, as três facas cravadas nele. Quem eu deveria escolher? Shento, com sua crueza das montanhas e sua sede desesperada? Ou Tan, com o coração amoroso, que tranquilizava a minha mente sem deixar espaço para a mágoa e a solidão, fazendo com que eu não precisasse de mais nada? Um morreria por mim. O outro não viveria sem mim."

Além dos personagens marcantes e da ótima narrativa, o que destaco no livro é o contexto histórico em que a trama é inserida. O início se dá durante a ditadura de Mao Tsé Tung e passa pela sua queda, a ascensão de Heng Tu e a mudança na economia chinesa, que abre as suas portas para o mundo. Tudo tratado com uma riqueza de detalhes que impressiona!

Uma excelente leitura, que transporta o leitor para a China desde a década de 60 até os dias atuais, garantindo, além de diversão, bastante conhecimento e cultura. Um livro único, mais do que recomendado!!

1 comentários:

Kerlynha Maciel disse...

Hey Rafa! \o/

Tem selinho pra tu lá no Deputamadre:
http://kerlymaciel.blogspot.com/2011/02/selinhos-e-memes.html

Espero que tu goste! *-*

Bjosss
;**

Postar um comentário